Escrever ou não escrever, eis a questão

Gosto de acreditar que ainda sou o mesmo garoto, com olheiras profundas e um gosto estranho e exagerado por coalas e cafés. Talvez seja o motivo de voltar periodicamente para este portal de pensamentos estranhos, para me reafirmar, para ter certeza de quem sou. Meus gostos musicais mudaram um pouco, mas luto contra isso. Adoro as mudanças, mas luto contra elas. Estou no quarto ano de uma graduação, estou me formando e ainda não sei o que isso significa. Tenho muito mais perguntas do que respostas na minha cabeça e acho isso valioso. Antes de escrever, li todos os posts do blog e fiquei pensando. Cara, tem algo errado com tudo isso ai.

Passa a folha de eucalipto, por favor.

Passe a folha de eucalipto, por favor.

Pouca inspiração, pareço ter. Não sei como eu escrevia tanto, com tão pouco a pensar. O cenário está invertido, talvez seja a falta de lógica que tantos adoravam no blog (brincadeira, infelizmente), mas não sei explicar. Se ainda sou o mesmo garoto, gostaria de pedir desculpas a quem esperava acompanhar a minha evolução (talvez um psicólogo de quinta que acompanha blogs), mas se não sou, acho que tenho que pedir desculpas a quem eu era e falar. “Cara, você era foda”.

@jeanmf

~ por cafeinalucinogena em Maio 17, 2013.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: